Por- Ariane Fumagalli

 

Como é bom saber que temos uma mãe no céu e ainda por cima ser a mesma mãe que carregou no ventre, amamentou, ensinou e cuidou de nosso salvador, Jesus!

“A Virgem Maria cooperou “para a salvação humana com livre fé e obediência”. Pronunciou seu “fiat” (faça-se) “em representação de toda a natureza humana”. Por sua obediência, tornou-se a nova Eva, Mãe dos viventes” .  CIC, Parágrafo 511.

No dia de hoje, 13 de maio de 2017, a Igreja está em festa, pois fazem 100 anos das aparições de Maria, Nossa Senhora de Fátima, em Fátima, Portugal aos 3 pastorinhos, Lucia, Francisco e Jacinta e amanhã, dia 14 de maio de 2017, comemoramos também o Dia das Mães, dia daquelas que como Maria deram SIM a vida, deram SIM ao chamado de Deus.

Então, nós, Comunidade de Aliança Cristo Libertador temos muito que comemorar, mas principalmente muito mais a agradecer a Maria, nossa mãe,  pois cuidou de nós por 18 anos, nos ensinou, nos viu crescer, cair e levantar e nos preparou para algo muito maior, para que pudéssemos dar passos mais longe e assim poder dar o SIM aos sonhos de Deus.

Tivemos como nossa casa, onde crescemos e alcançamos a maioridade, a Paróquia Nossa Senhora de Fátima e é claro que corremos para lá sempre que queremos um colo, um abraço.

Durante os 18 anos Ministeriais, Maria esteve presente em nossas vidas, em todas as comemorações e em todos os momentos de dificuldade. E é assim que um coração de mãe é, sempre presente, em constante intercessão por seus filhos.

Como alegra o coração Deus e o nosso quando ouvimos as mães dizendo o quão sublime é poder gerar uma vida, poder amar incondicionalmente alguém, querer o bem e fazer de tudo pela sua felicidade. O curioso, é que isso não se dá apenas aquelas que geram em seu ventre, mas também aquelas que geram no coração. Dar a vida pela vida do outro… Aconselhar, mas entender as decisões e aceitar, sofrer calada, amar e amar.

Maria, Mãe de Jesus foi tudo isso para Ele e é para nós hoje. Em cada mãe existe um pedacinho do coração de Maria. Coração puro, que ama e não quer nada em troca. Que sofre, mas que entendem que para seu filho existe um plano muito maior, os planos de Deus. Que se alegra com cada passinho dado e que está ali, bem pertinho para levantar e acalentar.

Que neste dia, o SIM de cada mamãe possa ser renovado através do SIM de Maria. Que Maria visite cada mamãe neste dia, cobrindo com seu manto de amor e derramando porções dobradas de paciência e obediência. Que o coração de cada filho que já tem sua mamãe no céu possa ser aquecido pela presença de Maria.

Que Maria interceda por nós junto a seu filho, Jesus, pois é através da Mãe que poderemos chegar mais perto de nosso Salvador. Ela pode nos ajudar no caminho!

“Minha alma engrandece o Senhor, e meu espirito exulta em Deis, meu Salvador, porque olhou para a humilhação de sua serva. SIM! Doravante as gerações todas me chamarão de bem-aventurada, pois o Todo-poderoso fez grandes coisas em meu favor”. LC 1, 46-49.

Que viva Mãe de Deus e Nossa! Viva Nossa Senhora! Mãe de todos os povos!

Fiquem com Deus! FOGO!