Anúncio do Evangelho (Mt 17,1-9)

 

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.

— Glória a vós, Senhor!

 

Naquele tempo, 1Jesus tomou consigo Pedro, Tiago e João, seu irmão, e os levou a um lugar à parte, sobre uma alta montanha. 2E foi transfigurado diante deles; o seu rosto brilhou como o sol e as suas roupas ficaram brancas como a luz. 3Nisto apareceram-lhe Moisés e Elias, conversando com Jesus.

4Então Pedro tomou a palavra e disse: “Senhor, é bom ficarmos aqui. Se queres, vou fazer aqui três tendas: uma para ti, outra para Moisés e outra para Elias”. 5Pedro ainda estava falando, quando uma nuvem luminosa os cobriu com sua sombra. E da nuvem uma voz dizia: “Este é o meu Filho amado, no qual eu pus todo o meu agrado. Escutai-o!”

6Quando ouviram isto, os discípulos ficaram muito assustados e caíram com o rosto em terra. 7Jesus se aproximou, tocou neles e disse: “Levantai-vos e não tenhais medo”.

8Os discípulos ergueram os olhos e não viram mais ninguém, a não ser somente Jesus. 9Quando desciam da montanha, Jesus ordenou-lhes: “Não conteis a ninguém esta visão até que o Filho do Homem tenha ressuscitado dos mortos”.
— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Meditação – Por Edelcio Belini 

Lendo as escrituras fica claro q Deus só se revela ao seu povo. Quando se revelou Moisés depois a Elias e tantos outros profetas. Jesus, que é o próprio Deus, junto com seus discípulos também se revela a eles ficou claro quem definitivamente era Jesus, e que Ele foi enviado do PAI para que se cumprisse o verdadeiro ato de amor de Deus por nós. Ele não precisava fazer nada disso, mas o desejou fazer, por amor!

Também percebemos que diante dessa revelação grandiosa, os discípulos ficaram assustados e atônitos. Sem saber o que fazer, Pedro sugere construir três tendas para abrigar a Jesus e aos profetas no entanto, o real desejo de nosso Deus não era essa mas sim, abrigar o seu povo debaixo de uma grande nuvem como quem diz, “Eu vos abrigo debaixo da minha tenda” e continua “Este é o meu Filho amado, no qual eu pus todo o meu agrado. Escutai-o!”.

Muitas vezes deixamos o medo tomar conta de nossas atitudes, tomamos decisões precipitadas e não paramos para contemplar a grandiosa revelação de Deus em nossas vidas! Eis que se manifesta o Senhor e diz… Não tenhais medo! Mantenham-se firmes até o dia da Ressureição e escutai o que diz o meu Filho, Jesus Cristo!

A paz do Cristo Libertador.